Educação Infantil

Alfabetização - Letramento


O Letramento começa desde o Berçário no Me põe na História, mas começa a ser mais intensificado e a mostrar seus resultados nas turminhas do Infantil.

Alfabetização x Letramento

Ser alfabetizado, em suma, é saber codificar letras e números no seu sentido estrito ou seja, compreender a tecnologia da escrita. Ser letrado (no sentido semântico e não dicionarizado) vai além disso. É saber responder às demandas sociais da leitura e da escrita de forma que as habilidades de interpretação dos mais variados gêneros textuais sejam desenvolvidas.

Sendo assim, qual a forma correta de apresentar o mundo da escrita e da leitura pra uma criança?

ALFABETIZAR LETRANDO!

 

O processo letramento começa ainda nos primeiros meses de vida. Aqui no MPNH, apresentamos letras e números para os pequenos durante as mais variadas brincadeiras, sempre dentro de um contexto significativo para eles. Aprender a tecnologia da escrita também é muito importante, uma vez que as crianças muito pequenas ainda não têm capacidade para compreendê-la de fato, apenas decoram suas imagens como quem decora as feições de um bichinho. Crianças que não passam pelo estímulo do letramento, ficam limitadas às combinações de letras e sentidos que conhecem, tendo dificuldade em entender palavras novas e em interpretar textos.

A prática do letramento vem à medida que a prática social é inserida, ou seja, acontece um manejo da língua em seu contexto social. O nosso interesse não é pular etapas. Alfabetizar letrando nada tem a ver com sobrecarga de estímulos, até porque uma criança pode ser letrada antes mesmo de ser alfabetizada.

Por isso aqui no Me põe na História, conversamos com as crianças, trabalhamos com contação de histórias, brincadeiras e atividades que promovem o aprendizado da língua e de vocabulário novo dentro de um contexto que faz sentido para criança.

A partir dali, ela já consegue distinguir estruturas linguísticas aleatórias sabendo que estão ouvindo um poema ou um conto de fadas, por exemplo. Conseguem prever o que vem depois e explicar o que aconteceu antes. Ou seja, crianças letradas efetivamente entendem como a língua funciona e por isso são capazes de utilizá-la com mais propriedade e eficiência. O intuito é que a criança termine o Infantil já sendo capaz de ler e escrever algumas palavras, mas principalmente tendo uma excelente base de vocabulário e estruturas linguísticas que a auxiliarão no processo final da alfabetização (Letramento) que se dá nos primeiros anos do Ensino Fundamental.